O nome da Rosa

Posted By Isabel Brossolette Branco on jul 14, 2010 in Comer & Beber


Share

Rosas, que foram muito usadas na culinária no inicio do séc. XX, estão voltando, discretamente mas a tendência já é perceptível.

Os exemplos não são poucos: o sorvete de rosas da Berthillon Framboise à la rose, o sorvete de pétalas de rosas do libanês Noura, os macarons aux roses do Pierre Hermé, um grande clássico, e o seu doce gigante com creme com pétalas de rosas, framboesas e lichias : o Ispaham. Tem ainda, a Rose “Religieuse” do Ladurée

LaduréePierre HerméReligieuse

Não é por acaso que a Dalloyau utilisou flores no seu catálogo das festas do ano novo 2009/2010.

Dalloyau

Além disso, para os gourmets existe um artesão, Dominique Gauffillier que utilisa rosas de Provins as transforma  num  confit excelente e os vende para as grandes pâtisseries parisienses.

Você já experimentou  ?

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Translate »